Você sabe como utilizar o seu cartão do SUS

É um aplicativo do Governo Federal que foi criado visando ajudar as pessoas. Através dele é possível que o usuário tenha acesso ao seu Cartão SUS com seu Smartphone. Isso é muito bom pois facilita a vida de todas as pessoas pois não é mais preciso ter o mesmo de forma física para que o paciente possa ser identificado, agora é possível exibir o número do mesmo na própria tela do telefone.

Sem contar que é possível ver exames, informar alergias e ver outras coisas importantes através do App.

Está disponível para Android e para iOS na loja do seu aparelho.

O mundo vem cada dia mais se modernizando, não poderia ser diferente com os entes governamentais.

Pré-Cadastro do Cartão SUS

No Portal de Saúde do Cidadão, do Ministério da Saúde, é possível realizar o pré-cadastro do Cartão SUS pela Internet. Assim, é preciso ter em mãos o número do CPF, nome completo do cidadão, nome completo da mãe, data de nascimento e cidade de nascimento.

No entanto, como o nome já diz, trata-se de um pré-cadastro.

Assim, primeiramente, o cadastro online irá criar um número de protocolo para atendimento presencial em uma unidade de saúde que realize o cadastramento do Cartão Nacional de Saúde.

Durante o atendimento, basta apresentar o protocolo, que será validado e homologado. Em seguida, o Cartão SUS é emitido e impresso na hora, sendo entregue ao paciente.

Procedimento Pré-Cadastro

Para realizar o pré-cadastro é simples. Basta seguir os passos:

  • Acessar o Portal de Saúde do Cidadão;
  • Clicar no menu “Pré-cadastro do Cartão Nacional de Saúde – CNS;
  • Informar o nome completo, CPF, nome da mãe, data de nascimento e município de nascimento;
  • Realizar a confirmação de segurança;
  • Na nova tela, informar e-mail e telefone válidos.

A página irá gerar um número de protocolo que pode ser impresso. Ele é válido durante 60 dias, prazo, portanto, para se dirigir até uma unidade de saúde e confirmar as informações prestadas.

Como consultar o número do Cartão SUS

Para verificar a existência de número de registro junto à carteirinha do SUS, ou relembrar o dado em caso de esquecimento, é possível utilizar o sistema online do Portal de Saúde do Cidadão.

Basta acessar, então, a opção “Consulta na Base de dados do Cartão Nacional de Saúde por nome” e inserir os dados solicitados. Assim, o sistema irá exibir o número completo do Cartão SUS.

Validade do Cartão SUS

Após registro e emissão do Cartão SUS, o documento é válido em todo o país. Basta apresentá-lo nos estabelecimentos que integram a rede pública de saúde. No entanto, se o paciente se mudar para uma outra cidade, é recomendado que o endereço seja atualizado no cadastro.

Vale ressaltar, porém, que o Ministério da Saúde destaca que nenhum cidadão pode ser impedido de receber atendimento caso não tenha o registro ou o cartão em mãos.

2ª via Cartão SUS

A segunda via do documento é feita da mesma forma que a primeira.

Não é necessário fazer um novo cadastro para a obtenção da 2ª via, é necessário, apenas, imprimir a mesma e isso compete à secretaria municipal de saúde de onde a pessoa mora.

Mas, como visto acima, é possível utilizar-se do aplicativo para não ter que utilizar o documento físico e poder usufruir de todos os atendimentos apenas mostrando a tela para os atendentes da área da saúde.

Histórico do Paciente

Entre os benefícios atrelados ao registro do Cartão do SUS está a possibilidade de consulta, pelo paciente, do histórico de saúde. A consulta pode ser feita na área privativa do Portal da Saúde, por meio do cadastro de senha pessoal. Também no aplicativo para dispositivos móveis.

Com o número do cartão e senha, é possível conferir dados sobre exames, procedimentos médicos e, até mesmo, medicamentos adquiridos no Programa Farmácia Popular.

Ainda, o paciente pode complementar seu cadastro com informações relevantes sobre sua saúde, a exemplo de alergias. Também é possível acompanhar agendamento de consultas a serem realizadas e status da fila de espera.

Com o Cartão SUS, então, o cidadão tem acesso facilitado à informação. Ao mesmo tempo, contribui para a melhoria dos serviços públicos de saúde.

Não basta receber o Bolsa Família, as pessoas precisam de saúde e educação para obterem um futuro melhor. Por isso foi criado esse site, com a intenção de ajudar as pessoas a entenderem melhor o funcionamento das ferramentas do governo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *